Novo parque solar de Brasileira irá trazer desenvolvimento e novos empregos para o Piauí

O município de Brasileira no Piauí foi escolhido para abrigar um dos mais importantes parques solares do país, com potência de 360 megaswatts (MW), energia que pode iluminar aproximadamente 360 mil casas. O leilão de Furnas foi realizado no dia 12 de novembro e o Grupo Interalli e a Canadian foram umas das empresas que ganharam o leilão e irão assumir a elaboração desse novo parque solar, o Complexo Fotovoltaico de Marangatu em uma área própria de 1500 hectares. A estimativa é que a instalação do parque solar gere  aproximadamente mil empregos diretos e indiretos. 

O projeto conta com 12 parques solares, cada um irá produzir 30 megawatts (MW), totalizando 360 megaswatts. Segundo o diretor do grupo Interalli, Fabrício Fumagalli, as obras para a execução do projeto devem iniciar assim que forem emitidas as licenças ambientais. “Estamos animados para começar as obras”, diz o diretor do grupo.


A energia solar, hidrelétrica, eólica, entre outras, transformadas em energia elétrica são, hoje, um recurso indispensável para o desenvolvimento socioeconômico de muitos países e regiões. Com progressos tecnológicos de geração e transmissão de eletricidade, podemos observar regiões, anteriormente pobres e desocupadas, transformando-se em grandes centros urbanos e polos industriais.  “A construção desta planta fotovoltaica contribuirá para o fornecimento de energia sustentável beneficiando os moradores e os empresários da região”, ressalta Fumegalli. 

O Grupo Interalli investe em outros projetos de geração de energia sustentável. No Piauí, em Piripiri, o grupo Interalli já possui uma planta fotovoltaica de mais de 2.700 hectares com capacidade para a produção de 600 MW/h em fase de licenciamento prévio.