ANP aprova Energy Paranã como comercializadora de gás natural

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) autorizou que a empresa Energy Paranã seja comercializadora de gás natural.  A Energy Paranã é composta pelas empresas Petres Energia, braço do Grupo Interalli nas áreas de gás natural e petróleo, e EnP Ecossistemas Energéticos, que já possui autorização para exploração e produção do combustível fóssil.

A decisão foi divulgada no Diário Oficial da União de 20 de dezembro de 2021, informando que a Energy Paranã fica “autorizada a exercer a atividade de comercialização de gás natural na esfera de competência da União, mediante a celebração de contratos registrados na ANP”, detalha o documento.

O diretor do Grupo Interalli, um dos sócios majoritários da Petres Energia, Fabrício Slaviero Fumagalli, conta que a atuação da empresa contribui para a valorização e avanço no mercado de energia no Brasil. “Diante da crise hídrica que vive o país, o gás natural é atualmente a fonte que melhor se adequa para promover segurança energética no Brasil, considerando sua reduzida emissão de CO2 e viabilidade econômica dos projetos”, explica Fumagalli.

O gás natural encontra-se normalmente em reservatórios no subsolo, associado ou não ao petróleo.  De queima mais limpa que os demais combustíveis, o gás natural é um hidrocarboneto encontrado em estado gasoso, nas condições normais atmosféricas de pressão e temperatura, contendo, principalmente, metano. Sua extração é feita por poços e o transporte pode ser realizado por gasodutos, liquefeito ou comprimido e ser transportado devidamente acondicionado.

De acordo com a sócia da Petres Energia, Renata Isfer, a aprovação da ANP permite ampliar os serviços da empresa. “A mudança, na prática, indica que agora podemos vender e comprar gás natural. Em 2022, a Petres Energia busca ampliar os seus investimentos e buscar parceiros justamente para utilizar o gás natural que será produzido nos seus campos”, destaca Isfer.

Blocos de petróleo – Em outubro deste ano, a ANP e a Energy Paranã assinaram contratos de cessão para exploração e produção de cinco blocos de petróleo – localizados no Espírito Santo e Bahia -, totalizando 12 blocos exploratórios.

Sobre a Petres – A Petres Energia é especializada no desenvolvimento de projetos de exploração, produção e de infraestrutura em óleo e gás natural.  Petres tem como sócios majoritários o Grupo InterAlli – que já atua nas áreas de infraestrutura portuária, incluindo a operação de grãos e líquidos, logística, energias renováveis e agronegócio – e Renata Isfer, que atuou como Secretária de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia (MME).